Um Excelente Tinto Brasileiro para o Inverno: Salton Paradoxo Cabernet Sauvignon 2012

Salton_Paradoxo_Cabernet_Sauvignon_2012

Estimados amigos, imagino que já saibam, não escondo, que me empolgo muito quando encontramos vinhos com custo benefício atrativo. Em tempos de crise econômica e aumento nos preços dos vinhos (por diversos fatores),  a busca por rótulos interessantes a custos amenos virou quase uma meta, um objetivo de vida de todo o enófilo.

Tive a feliz oportunidade de experimentar recentemente este exemplar da vinícola Salton, comentado no Winebar onde alguns rótulos da vinícola foram degustados – confira aqui como foi. Já havíamos comentado aqui no blog sobre o surpreendente Malbec da linha Classic (relembre) e hoje é a vez deste belo Cabernet Sauvignon, elaborado com uvas da região da Campanha Gaúcha. Continuar Lendo

Mais um tinto Grego que impressionou: Nemea Grande Reserve 2008

Nemea_Grande_Reserve_2008

Amigos, graças ao Clube do Vinho Winelands do qual sou sócio tive a oportunidade de conhecer diversos rótulos muito interessantes, provenientes de países menos comuns do nosso dia a dia. E um dos países que têm nos surpreendido positivamente é a Grécia – de onde provém este belíssimo tinto de hoje.

Trata-se de um exemplar elaborado com a variedade vinífera Agiorgitiko, uma casta estreante aqui no blog e que eu, confesso, até então ainda desconhecia. É uma variedade antiga – com direito a ‘lendas’ gregas e tudo o mais, largamente cultivada na Grécia especialmente no território de Nemea, localizado na região do Peloponeso. Continuar Lendo

Especialmente para a #cbe: Espumante Pizzato Brut Rose 2014 DOVV

Espumante_Pizzato_Brut_Rose

Estimados amigos, muito me alegra poder escrever hoje o post alusivo ao mês de agosto para nossa Confraria Brasileira de Enoblogs, a primeira e única confraria virtual de vinhos do Brasil. A escolha do tema deste mês coube ao confrade Marcello Galvão do blog Agenda de Vinhos, que sugeriu: “espumante brut rosé do novo mundo, elaborado pelo método tradicional”. Foi a perfeita ‘desculpa’ que eu necessitava para experimentar este belo espumante, que estava a alguns meses guardado em minha adega – eu aguardava uma ocasião para abrí-lo e achei que o momento não poderia ser mais oportuno :)

O espumante é elaborado pela competente Pizzato, um dos produtores brasileiros que mais conquistaram meu respeito e admiração ao longo dos anos – a exemplo de Angheben e Larentis, entre outros. Este brut rosé é elaborado por assemblage de uvas Chardonnay e Pinot Noir. Segundo contra-rótulo, o vinho repousou sobre as próprias borras por período mínimo de 9 meses. Continuar Lendo

Leve e Refrescante: Valdo Valdobbiadene Prosecco Superiore DOCG

Valdo_valdobbiadene_prosecco_superiore_docg

Amigos, dia de rever vinhos que já degustei a algum tempo e por alguma razão ou outra ainda não havia publicado aqui no blog – uma lástima, pode-se dizer. Entre minhas anotações lembrei-me deste leve e refrescante espumante que experimentei em um restaurante na Itália quando lá estive passeando aos arredores de Verona – segui a dica-padrão à risca, procurando sempre degustar os vinhos da região com pratos típicos – o que recomendo fortemente :)

O espumante é elaborado pela Valdo Spumanti, produtor tradicional da região do Vêneto. Ele leva o nome da belíssima e charmosa comuna de Valdobbiadene, localizada na província de Treviso, que é de onde são provenientes as uvas Prosecco que formam este belo produto. Continuar Lendo