Gimenez Mendez Malbec 2013 – Confirmando a Qualidade do Produtor

Amigos, é o que eu sempre digo: quando um determinado produtor faz um bom trabalho, preza por vinhos de qualidade e capricha pra valer, não há dúvidas: os resultados e o reconhecimento surgem naturalmente. E não é de hoje que os vinhos do competente produtor uruguaio Gimenez Mendez têm impressionado os enófilos – uma rápida busca nos blogs e sites especializados mostram isso de forma unânime. E então sempre que vejo um dos vinhos da vinícola na seleção do Clube Winelands não tenho dúvidas: pelo menos um dos rótulos acaba por ser meu escolhido.

O exemplar de hoje é curiosamente elaborado com a uva símbolo do país vizinho – a Malbec – e mais curiosamente ainda, em uma região cujo nome também se chama Mendoza (interessante não?). As uvas são provenientes da localidade de Las Brujas, assim alguns dos demais exemplares da vinícola que já provamos e passaram aqui pelo blog (relembre). Este belo Malbec estagiou por dez meses em barricas de carvalho francês e americano, além de um período de repouso em garrafa antes de ser colocado à venda. Mas vamos ao líquido:

Em taça o vinho mostrou cor escura púrpura brilhante, com muitos reflexos. No nariz mostra aromas com boa intensidade e muita complexidade, revelando especialmente notas de frutas negras como ameixa, além de especiarias como pimenta, um leve mentolado e algumas notas herbáceas. Em boca é um Malbec muito típico, encorpado, com ótima estrutura e acidez leve. O frutado confirma em boca e há leve lembrança do herbáceo em segundo plano. Taninos secam o paladar, pedindo comida. Final correto, com certa potência,  conferindo o ar gastronômico que todo Malbec de boa qualidade tem. Álcool a 13,5%, em boa conta.

Ótimo vinho. Acompanhou bem um sorrentino com carne de panela e molho (tenho uma fraqueza pela carne de panela – risos). Uma bela experiência e oportunidade em provar um Malbec sul-americano fora da Argentina. Recomendo.

Quanto custa? É vendido no site da Winelands por 123 reais.

Saúde a todos!

Novidade no Mercado: Salton Classic Malbec 2015

Salton_Classic_Malbec_2015

Grandes amigos, é sempre uma alegria poder trazer boas novidades do mundo do vinho aqui no blog. Esta semana tivemos a felicidade de poder participar do Winebar com os vinhos da Salton, onde a vinícola apresentou alguns de seus rótulos – entre eles este Malbec, lançado a pouco tempo no mercado e que eu estava curiosíssimo para experimentar.

Como ostenta o rótulo, o vinho é elaborado em nosso país vizinho na região de Mendoza, em uma parceria com a empresa Peñaflor, uma das referências do mercado vitivinícola argentino – responsável pelo tradicional vinho Trapiche, entre outros. Continuar Lendo

Valle Las Acequias Malbec Roble 2010

Valle_Las Acequias_Malbec_Roble_2010

Amigos, saí de casa uma noite dessas de outono com o objetivo de tomar um vinho apropriado para o frio que estava fazendo. Ao chegar na loja Vinhos do Mundo percebi que naquele dia haviam Malbecs em promoção – entre eles, este do post de hoje, que foi o escolhido da noite. Eu queria a bem da verdade um “Malbecão” como dizem – acolhi então a sugestão do atendente que me recomendou este rótulo, mais estruturado que a “média” entre os demais, por assim dizer (risos).

Continuar Lendo

Simplesmente o Melhor Rosé que já Provamos: Rocio Reserva Rosé Malbec 2015

Rocio_Rose_Malbec_20xx

Estimados amigos, dia de post com vinho rosé é sempre muito especial. Digo isto porque nem sempre é fácil encontrar um bom vinho rosé, com aromas intensos e paladar agradável e instigante. Confesso que a busca às vezes é cansativa e já me deparei inúmeras vezes com vinhos deste tipo com pouca intensidade de aromas e paladar um tanto simplório. Mas quando encontramos um belo rosé é algo digno de festa e, com certeza, de post aqui no blog.

Como sabem, todos os meses a Winelands seleciona cinco vinhos para a livre escolha de seus associados – e eis que entre eles sempre temos um rosé. Na seleção dos vinhos de fevereiro, particularmente, o rosé em questão estava muito bem indicado na descrição do site, o que chamou minha atenção. Eis que resolvi experimentá-lo, felizmente, e posso lhes garantir amigos: é o melhor vinho rosé que já experimentei, sem qualquer sombra de dúvida.

O exemplar é elaborado com uvas Malbec pela Viñas de America del Sur, tradicional produtor que elabora vinhos desde 1904 (!) na região de Mendoza. Tem passagem de 9 meses em barricas de carvalho francesas e americanas – algo pouco comum para vinhos rosés, o que transmite uma curiosidade fascinante a qualquer enófilo. Continuar Lendo