Canevari Proseco DOC Brut #cbe

Estimados amigos, como manda a tradição, já que hoje é o primeiro dia do mês, temos aqui nosso comentário para o vinho da CBE, a Confraria Brasileira de Enoblogs. Esta 73ª edição – a 15ª em que participo com meu singelo blog – tem um significado muito especial para mim, já que desta vez quem escolheu o tema para degustação foi justamente este blogueiro que vos fala 🙂

Como já não é segredo para os amigos que acompanham o blog, sou um apaixonado por espumantes. Se eu pudesse beberia espumante todos os dias; confesso que não sei precisar qual a razão, mas o espumante consegue me proporcionar mais prazer e satisfação do que qualquer outra bebida – até mesmo os vinhos tintos que tanto adoro. Pensando nisso lancei o seguinte slogan para o tema deste mês: “Amigos, aproveitando a chegada do calor e da primavera sugiro apreciarmos um refrescante espumante Prosecco.” Depois de lançar a temática é que me dei conta de que não tenho nenhum Prosecco comentado aqui no blog , mesmo após mais de 120 vinhos que já passaram por aqui! Realmente já estava mais do que na hora de corrigir esta injustiça.

Muitas pessoas fazem uma certa confusão com a denominação Prosecco. O Prosecco nada mais é do que um espumante elaborado unicamente com uvas da variedade de mesmo nome, normalmente com segunda fermentação em autoclaves. É originário da região do Vêneto na Itália, onde duas cidades têm o direito à Denominação de Origem Controlada (DOC): Valdobbiadene e Conegliano; esta última, inclusive, a cidade de origem de nosso espumante de hoje. Ao contrário de outras denominações, como o Champagne, os Proseccos ainda podem recebem esta dominação em outros países, inclusive no Brasil – onde fazemos bons espumantes desta variedade, diga-se de passagem.

Mas e o nosso espumante? Vejamos o que achei dele:

Espumante de coloração amarelo palha claro. Perlage abundante, com borbulhas muito finas e persistentes – uma névoa, pode-se dizer. Aromas com boa intensidade, lembrando frutas brancas frescas, especialmente melão e lima, além de uma certa lembrança de um herbáceo no final, bem discreto. Em boca acredito que seja tudo o que se possa esperar de um Prosecco: ótima acidez, com um toque cítrico muito presente e agradável. Refrescante. Redondo, desce fácil e chama a próxima taça. Final seco, na medida, revelando ainda certa cremosidade, com lembrança leve do melão.

Amigos, não sou um bom conhecedor de Proseccos, nem tenho muita autoridade no assunto, mas pelo menos aqui em casa o espumante agradou. Acredito que tudo o que sei sobre este tipo de espumante se confirmou no Canevari: é fresco, leve e agradável, deixando aquele gostinho de quero mais – que no calorão brasileiro é fundamental. Vale a pena experimentar. Pode ser encontrado na faixa de 43 reais.

Saúde!

2 comentários em “Canevari Proseco DOC Brut #cbe

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s