Bouza Tempranillo-Tannat 2011

Bouza_Tempranillo_Tannat_2011

Amigos, adquiri este vinho em uma freeshop do Chuí, a alguns meses atrás. Se não me falhe a memória, foi na mesma ocasião que comprei também um belo Tannat da mesma vinícola – sem passagem por madeira – e que gostei muito (relembre). Este corte da Bodega Bouza é elaborado com 60% de Tempranillo e 40% de Tannat, com uvas provenientes de vinhedos da região de Canelones. Estagiou por 9 meses em barricas de carvalho francês e americano. A produção foi em torno de 20 mil garrafas. Vamos ao vinho:

Rótulo clean e elegante. Rolha de boa qualidade, bonita e personalizada com o nome da vinícola em destaque. Em taça se mostrou um vinho de cor rubi escura com halo e bordas violáceos. Aromas de boa complexidade, embora um pouco sutis no início, revelando-se aos poucos. Madeira em evidência, com notas de frutas negras, lembrando geleia de amora. Leve toque herbáceo também presente. Em boca é um vinho de bom corpo e acidez média, correta. Taninos muito presentes e rústicos, secando toda a boca (a tannat fazendo-se bem presente). Madeira um pouco sobressalente em relação a fruta, mas sem comprometer o conjunto. Vinho estruturado, potente e gastronômico. Final com leve mineralidade, dando discreta sensação de “salgado”. Álcool a 14,5%, sem incomodar.

Bom vinho, muito estruturado e interessante. Acho que a guarda o deixará mais macio; tem taninos, acidez e álcool que asseguram um bom tempo pela frente. Melhorou ao longo da degustação. Particularmente, acho que a tannat ofuscou um pouco a tempranillo, deixando o vinho mais pesado do que eu supus. Ingenuamente apostei em um prato não tão estruturado e acho que a combinação não foi tão feliz. Sugiro a quem for experimentar que o faça com uma suculenta carne.

Uma curiosidade: Fiquei muito surpreso ao conferir no site do importador que o vinho, no Brasil, é comercializado na casa dos 130 reais (safra 2010). Em um site de um freeshop vi o mesmo sendo vendido abaixo dos 20 dólares (muito próximo do valor que eu devo ter pago pela garrafa). Convenhamos: uma diferença enorme de preços (seria devido a carga tributária, somente?). Todavia, a quem tiver a oportunidade de adquirir o vinho em uma loja de fronteira, recomendo a compra. E quem puder comprar mais de uma garrafa, melhor ainda: beba uma e guarde a outra; creio que terá um resultado proveitoso.

Saúde!

Rolha_Bouza

4 comentários em “Bouza Tempranillo-Tannat 2011

  1. Marcio R. Gaban disse:

    Experimentei esse vinho no restaurante da Bodega Bouza, acompanhando um prato de carne. Harmonizou perfeitamente. Pena que eles não tinham o rótulo para vender na loja, só para consumo no restaurante. Adorei e pretendo repetir a dose quando voltar lá em janeiro.

    • Tiago Bulla disse:

      Márcio, obrigado pelo comentário
      Que bom que gostou do vinho – sua impressão bateu com a minha.
      Certamente você foi mais feliz na harmonização – uma carne sem dúvida é uma ótima pedida para este vinho.
      Um abraço e saúde!

  2. jairo quirelli disse:

    este vinho é simplesmente ESPETACULAR

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s